Por que a Poupança Não é a Bola da Vez ?

Tempo de leitura: 4 minutos

Você acredita que agora  a poupança é a bola da vez dos investimentos? 

Poupança tem melhor resultado para julho em três anos” , “Poupança voltou a atrair recursos mesmo com a queda dos juros”, Ganho da Caderneta de Poupança é o melhor em 11 Anos”.

Estas são algumas manchetes vistas nos jornais. E você, leu somente a manchete e investiu seus recursos na poupança?

A caderneta de poupança, indiscutivelmente é a aplicação mais popular entre os brasileiros.  São mais de R$ 650 bilhões em depósitos.

Sua simplicidade  parece ser o fator determinante para tal popularidade. Contudo  o investidor perde oportunidade de ganhos reais (juros – inflação) substancialmente maiores. No médio e longo prazo a perda  é enorme!

O que falta à população certamente é Educação Financeira.  É olhar para seus investimentos com objetivos de curto, médio e longo prazo. Para isso é necessário identificar os sonhos, saber onde quer chegar, e a partir daí traçar horizonte de investimentos estimando prazo para resgate. Sem objetivos, sem metas, não se sabe para onde está indo.

 

Conhecer os Fundamentos Básicos

Procurar ter o mínimo de conhecimento em investimento para melhor gerir seu dinheiro, faz parte do processo de Educação Financeira.

Leia este post com as informações básicas:  4 Passos Básicos Para começar a Investir

Portanto, não leia somente as manchetes que aparecem nas mídias.  Procure informar-se e saiba avaliar a notícia, escolhendo o melhor para o seu caso.

 

A Selic Continuará Caindo

Neste sentido, é bom que você saiba que a Selic vem caindo.

Em meados de abril fiz um post falando sobre o rendimento da poupança versus   fundos de investimentos DI, e o que aconteceria com a queda da Selic .  Na época a expectativa do mercado era para Selic no final de 2017 em 8,5%.

A expectativa foi revisada, e atualmente o mercado prevê a Selic em 7% até o final deste ano. Hoje a Selic está em 9,25% ao ano

E como ficam os investimentos? A poupança passará a render mais? A resposta é não, a poupança continuará sendo uma escolha ruim, ganhando em alguns cenários somente dos Fundos DI que cobram altas taxas de administração.

A poupança pelo critério atual rende 6,17% a.a. + TR.

Para aniversário em 01/09/17  o rendimento será de 0,5512% o que corresponde a  73,73% da Selic atual.

 

Investimento de Renda Fixa Mais Rentável – Selic 9,25%

Com rentabilidade de 0,5512%  a poupança – exceto para prazos acima de 720 dias  – tem resultado melhor  em relação aos  fundos DI.

Para outros investimentos de Renda Fixa analisados  a poupança perde em qualquer prazo.

 

Veja a Tabela :

As tabelas aqui apresentadas,  consideram investimentos a partir de R$ 5.000 e bancos com rating melhor que B. Foi utilizado Selic para investimentos que remuneram CDI, visto andarem muito próximos.  As simulações consideram taxa de administração de 1% para os  fundos.

As fontes de consultas:  Infomoney , Calculadora do -Cidadão e Calculadora Tesouro Direto.

 

Investimento de Renda Fixa Mais Rentável – Selic 7%

Com a Selic menor  que 8,5% (expectativa do mercado para setembro 8,25%)  o critério de remuneração para a poupança muda, passando a ter rentabilidade de 70% do CDI + TR .

Para cenário de Selic 8,25% a poupança tem rentabilidade maior do que os fundos DI de até 180 dias.  Com Selic em 7% a poupança é melhor do que os fundos de até 360 dias.

Veja como ficam as aplicações  com cenário para Selic em 7% :

 

Alguns Comentários

Mesmo o pequeno investidor consegue aplicar seus recursos em CDBs que pagam até 100% do CDI com liquidez diária, ou sem liquidez com taxas superiores a 100%. O Sofisa,  Inter e Daycoval,  oferecem taxas competitivas e aceitam aplicações a partir de R$ 1,00,  R$ 500,00 e R$ 1.000,00 respectivamente.

É possível aplicar no Tesouro Direto Selic com valores a partir de aproximadamente R$ 90, Algumas corretoras  não cobram taxas de administração.

Os fundos de investimentos, com taxas de administração menores  ou iguais a 1% a.a. exigem altos volumes.

 

Conclusão

Para  decidir-se pelo investimento mais adequado ao seu caso,  é essencial analisar por quanto tempo você pretende manter os recursos aplicados.  Outros critérios como risco de crédito, mercado, etc., também deverão ser levados em conta.

Aqui comparamos alguns investimentos de Renda Fixa. Existem outras modalidades com maior risco. Informe-se, estude as possibilidades antes de tomar uma decisão.

Tenha claro seus objetivos, e realize seus sonhos.

 

Fique bem !

 

Se gostou não esquece de curtir! 

Gratidão por me acompanhar!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *